Que tipo de roteiro de viagem você prefere? Com opções de aventuras e vários passeios radicais? Ou prefere relaxar em contato com a natureza? Ou você prefere passeios mais urbanos? Bom, não importa a sua resposta, porque o post de hoje veio mostrar que a cidade de Torres, no litoral gaúcho, é perfeita para todas essas opções.

 

          Leia as nossas dicas até o fim e planeje sua viagem para Torres!

 

 

          - Para quem gosta de aventuras: Trilha Interpretativa no PEVA (Parque Estadual de Itapeva)

 

Parque Estadual de Itapeva

 

          Aproximadamente mil hectares de área com bioma da Mata Atlântica compõem o Parque Estadual de Itapeva, em Torres. Durante a Trilha Interpretativa, um profissional da Secretaria Estadual do Meio Ambiente (SEMA) realiza um trajeto com cerca de 700 metros em meio à mata nativa dentro da área do parque. Ao longo do passeio, são identificadas algumas espécies de fauna e flora local, característicos da Mata Atlântica (o valor do passeio deve ser conferido antecipadamente).

 

 

          - Para quem gosta de relaxar: praias em Torres e Parque da Guarita.

 

Parque da Guarita na cidade de Torres, litoral gaúcho

 

          Praia da Guarita, Praia da Cal, Prainha, Praia dos Molhes... O que não falta na cidade de Torres são opções de praias para quem gosta de relaxar. Desde praias mais agitadas (como a Praia Grande) até para quem gosta de surfar (como na Praia dos Molhes).

 

          Além das praias, Torres também conta com o Parque da Guarita, principal atrativo turístico da cidade. O parque é a perfeita combinação entre rochedos, mar e natureza verde. Apesar de ser um dos principais pontos turísticos de Torres, muitas pessoas consideram o lugar um dos mais tranquilos da cidade (deve ser pela calma que o contato direto com a natureza proporciona). 

 

 

          - Para pessoas que gostam de adrenalina: Parapente no Morro do Farol

 

Morro do Farol, em Torres

 

          O Morro do Farol é um ótimo destino para quem quer ter uma visão da cidade de Torres, além de ser um dos melhores lugares da cidade para assistir o pôr do sol. Além da vista, ali também tem a opção para quem tem coragem de se aventurar em voos de parapente. O trajeto no ar sobrevoa a Praia da Guarita e a Praia Grande, dura cerca de 15 minutos e depende das condições climáticas do vento.

 

 

          - Para quem gosta da cidade e de curtição: Praia Grande à noite ou Lagoa do Violão ao dia

 

Vida noturna em Torres: Praia Grande, na cidade de Torres, durante alta temporada

 

          Chamamos de Praia Grande os 23 quilômetros de orla marítima que compõem a maior praia da cidade de Torres (que acabou levando o mesmo nome da cidade catarinense). Durante a alta temporada você encontra diversas opções para quem prefere o agito: bares, restaurantes, pousadas e grande parte da vida noturna do município. Durante o dia, a dica é aproveitar a Lagoa do Violão, um parque mais distante do mar, mas que proporciona uma bela paisagem para quem quer caminhar, passear ou apenas sentar para ler um livro.

 

 

          - Para quem prefere contato com a natureza: Cânion Malacara ou Ilha dos Lobos

 

Ilha dos Lobos, um dos menores refúgios ecológicos do mundo.

 

          Podíamos falar de todo o litoral de Torres como dica para aqueles que amam o contato com a natureza, mas achamos que a cidade tem muito mais a oferecer. Nesse caso, temos duas opções de passeio: uma para quem curte um pouco mais de aventura e outra para quem prefere um passeio mais tranquilo.

 

          Se você está disposto a se aventurar, caminhar e descobrir novos lugares e paisagens, a nossa dica é fazer a Trilha no Malacara, na cidade catarinense Praia Grande (Cidade dos Cânions), pertinho da cidade de Torres. Mesmo que o passeio seja fora do município gaúcho, a gente acha que o deslocamento vale a pena, já que a Trilha no Malacara dura cerca de uma hora e meia e, além da paisagem deslumbrante, você pode finalizar o passeio curtindo um banho nas piscinas naturais do lugar.

 

          Agora, se você prefere um passeio mais tranquilo e quer fazer o mínimo de esforço, sugerimos fazer um passeio de barco pelo Rio Mampituba e conhecer a Ilha dos Lobos. Durante o percurso você contemplará de dentro do mar as praias de Torres, falésias, o Morro das Furnas e do Farol, até chegar à Ilha dos Lobos, um dos menores refúgios ecológicos marinhos do mundo. A cerca de 1,8 quilômetros da costa, o lugar abriga lobos e leões marinhos, além de muitas aves (com sorte, você ainda poderá avistar baleias e botos). Detalhe: neste passeio você não sairá do barco e poderá apenas observar os animais de longe (assim é garantida maior preservação da natureza).